terça-feira, 8 de março de 2011

Guns & Roses



Uma vez fui para Goiânia de ônibus e um amigo querido sentou exatamente ao meu lado.
Adoro coincidências!
E para honrar nosso encontro inusitado passamos as 12 hs da viagem conversando.

Meu amigo é Ginecologista e, dentre mil assuntos, ele me contou algo que eu não sabia: MUITA mulher tem vergonha do aspecto de suas vaginas e vão ao consultório buscando uma cirurgia plástica.
Quê???
Não sabia disso. Nem imaginava!

Como ele disse, é claro que o problema não é a vagina que fica lá dentro escondida. Ter vergonha da vagina é como ter vergonha do formato pontudo de um fígado ou do aspecto cinza do seu cérebro.
Não. A vergonha delas está nos lábios, mais precisamente os pequenos.

Aí confessei para ele um segredo que subitamente começou a me afligir: nunca vi o órgão sexual de uma mulher!!!! Nunca na vida!
Claro, de uma mulher que não seja eu.

Falei para ele e ele riu.
Tenho mãe, tenho irmã, tenho primas, tenho muitas amigas que já estiveram peladas ao meu lado e nadei 5 anos numa piscina universitária cujo banheiro tinha um chuveiro coletivo para 12 mulheres tomarem banho juntas. E estava sempre cheio.

Mas nunca vi os pequenos lábios de uma mulher. 
Já vi algumas Playboys, mas lá também não tem nada disso. É uma nudez "artistica" e tem photoshop para o caso de aparecer algo que prejudique a moral e os bons costumes dos leitores da revista:
- Eu leio Playboy por causa das ótimas entrevistas e porque sempre tem umas listas boas sobre vinhos. E também porque lá não tem pequenos lábios!! Não gosto deles.


Ao contrário da nudez masculina, óbvia e balançante, a feminina é baixa, discreta, escondida e camuflada por pêlos. Por isso nunca vi nada. Também confesso que não fiz esforço nenhum para ver.
E acho que vou morrer na ignorância, afinal nunca serei:
  • enfermeira
  • médica
  • doula
  • depiladora radical e sádica
  • colocadora de piercing
  • lésbica ou bissexual
Nesta altura do campeonato as opções acima não se encaixam mais na minha vida.

Portanto, vou morrer sem ver os grandes e muito menos os pequenos lábios das mulheres. E sem ter nenhum padrão de comparação para desenvolver um trauma.

Mas neste momento meu amigo interveio: "É claro que você já viu, Claudinha, todo mundo já viu em filmes pornôs, é é aí que está a raíz do trauma feminino. TODAS as mulheres dos filmes são operadas, fizeram cirurgia para cortar o máximo possível os pequenos lábios e dar à genitália um aspecto rosa e liso, sem reentrâncias. As mulheres normais vêem aquilo e passam a achar que tem problemas. Tem umas inclusive que desenvolvem sérios traumas. Se acham inadequadas, feias e tem vergonha do parceiro."

Ah...coitadinhas das mulheres.
Pensamos tanto nos homens com seus traumas sobre o tamanho e aspecto de seus "Guns" que nunca tivemos acesso ao sofrimento silencioso e secreto das mulheres, com vergonha de suas "Roses".
Mulher é bicho discriminado mesmo. Nem trauma pode desenvolver em paz!!!

Alô galera da moda: deixem de contratar magrelas para as passarelas e evitem que moças traumatizadas com sua barriga pochete morram de anorexia, como Carola Scarpa fez semana passada.

Alô galera da industria pornográfica: deixem de contratar vaginas rosas e lisas e evitem que moças traumatizadas com sua genitália real queiram pagar qualquer preço para enfrentarem uma cirurgia inútil e dolorida, tirando pedaços preciosos do seu corpo.



É duro ir de Campinas à Goiânia num ônibus leito ouvindo dois tagarelas que não param um minuto de conversar.
Eu sei.
Mas se eles forem falando sobre vaginas, vulvas, lábios e filmes pornôs tudo fica mais fácil.
E a viagem passa rapidinho...

4 comentários:

  1. Não quero te assustar, mas de repente começo a suspeitar que choverão fotografias sendo enviadas pra vc...kkkkk. PS> eu não sei o que é doula.

    ResponderExcluir
  2. Doula é uma fada que acompanha e ajuda as mulheres no pré parto e no parto normal e humanizado, preferencialmente. As vezes até na amamentação. Hoje em dia os melhores hospítais já permite que a sua doula acompanhe vc na sala de parto.Nossa Amiga Dri teve uma: Léo! A melhor doula de RP. Não sabia?
    Podem mandar as fotos! Nada combina melhor que fotos de vaginas numa quarta feira de cinzas...haha. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Puxa, Claudinha, que super memória!!! Me lembrava da viagem, de sua preciosa compania, do quanto conversamos, mas, dos assuntos, nada.
    Parabéns pelo seu blog!
    Beijão pra vocês!

    ResponderExcluir
  4. Minha preciosa companhia anda sentindo falta das preciosas companhias goianas. A memória é mesmo ótima, mas este assunto me deixou bem impressionada mesmo. Bjs em todos também.

    ResponderExcluir

Se você não tiver uma conta Google e quiser comentar: escreva na caixa, assine (para eu saber quem escreveu!) e escolha a opção "Anônimo". Pronto! Seu comentário aparecerá imediatamente no blog.