sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Lista de Casamento


Há muitos anos atrás, Andi MacDowell (a fofa dos dentes curtinhos) e Gerárd Depardieu (o francês com tudo feio) fizeram uma comédia romântica chamada "Green Card", que foi traduzida razoavelmente como "Passaporte para o Amor". Vale a pena ser vista.
No filme eles se casam por interesse, de ambas as partes: ela precisava de um marido para continuar vivendo no apartamento onde possui uma maravilhosa estufa de plantas e ele, francês, precisava casar para conseguir um Green Card e continuar nos EUA. No fim do filme o serviço de imigração faz uma lista de perguntas para os dois responderem separadamente sobre a vida conjugal. É nessa hora que a coisa desanda e ele acaba confessando a mentira: eles não eram um casal...ainda!

No interrogatório havia uma lista de particularidades que só um marido ou uma esposa pode conhecer sobre o parceiro. Se eles passassem no teste é porque eram mesmo um casal.

Responda a lista abaixo e prove que você é realmente casado (ou enrolado):

O seu conjuge:
  • Prefere travesseiro alto, baixo, firme ou fofo?
  • É calorento ou friorento?
  • Usa qual xampú?
  • Limpa a pia depois de se barbear (ela recolhe o cabelo do ralo do chuveiro)?
  • Qual a situação atual suas cuecas (ou calcinhas)? Velhas e manchadas ou novas e com elásticos novos.
  • O que para ele nunca pode faltar na despensa?
  • O que para ele nunca pode faltar na geladeira?
  • Qual comida ele detesta?
  • Qual sua sobremesa preferida?
  • Qual seria a viagem dos seus sonhos?
  • Como ele gosta do churrasco? Bem ou mal passado?
  • Como é seu intestino: preso, solto ou normal? (infelizmente a escatologia é fundamental para investigar a intimidade).

Foi fácil? Sim, a convivência não traz apenas dissabores. Faz também a gente passar na prova da imigração americana. Vocês são realmente casados! Podem ficar nos EUA!!


Mas agora quero ver vocês respondendo isso aqui:

O seu conjuge:
  • Satisfaz sua vida sexual?
  • Ainda faz seu coração bater mais forte quando vocês se encontram ao acaso na rua.
  • É seu melhor amigo e está disponínel quando você mais precisa?
  • Consegue suportar e entender seus dias de mal humor?
  • Será um bom companheiro de papo quando as crianças crescerem e vocês forem envelhecendo juntos?
  • Deixa você ser feliz sendo exatamente quem você é, sem tentar te moldar com críticas, ciúmes inexplicáveis e chantagem emocional?
  • Vocês possuem atividades em comum que lhes dão prazer?

Sim? Ah bom, então vocês são mesmo um casal! Parabéns! Podem ficar onde estão.

3 comentários:

  1. Ótimo!
    É sempre bom ter aquele grilo falante nos lembrando o que é verdadeiramente um casamento...!!
    Linda, te amo.Muitas saudades, minha amiga (tão) perspicaz.

    ResponderExcluir
  2. de todas, apenas preciso buscar a ultima alternativa.Amo minha mulher desde do dia em que ela me entregou um bilhete no trabalho.

    ResponderExcluir

Se você não tiver uma conta Google e quiser comentar: escreva na caixa, assine (para eu saber quem escreveu!) e escolha a opção "Anônimo". Pronto! Seu comentário aparecerá imediatamente no blog.