quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Atchim!..... foi bom prá você?

Uma vez uma amiga me disse que era ótimo fazer 30 anos porque é nessa idade que começam os orgasmos múltiplos. Jura?? Uau!! Eu tinha 20 e poucos e esperei ansiosamente pela data, mas acho que a petição tinha que ser feita em duas vias, com carimbo, registrada em cartório. Minha solicitação foi negada.

Ao invés de me sentir injustiçada, descobri este mês uma coisa bacana que acontece depois dos 35. O desejo sexual, que anteriormente tinha um único foco (o ser desejado, amado ou não) passa a fluir também por outras esferas, surgindo de surpresa em circunstâncias rotineiras e banais.

Quer um exemplo? Uma amiga fica excitada espirrando. Juro por Deus! Chegou até a ter orgasmo. Um médico receitou antialérgicos e ela não quis. Gosta de espirrar.
Achei muita graça da história e comecei a investigar a coisa.

Muita gente diz que a libido diminui depois que os filhos nascem ou quando atingem uma certa idade, mas o que eu comecei a perceber este mês é que talvez o problema está em ficar procurando o incentivo no mesmo lugar, sem perceber que a coisa agora tem outra configuração. Como quando buscamos com o pé esquerdo a embreagem num carro automático.

E não há nada de errado com os parceiros. Eles continuam do mesmo jeito: adoráveis e atraentes, mas é que o corpo parece começar a prever a natural diminuição da atividade sexual e aí ele, sabiamente, passa a depositar o desejo também em outros tipos de atividades. É um investidor conservador, não aposta tudo num negócio arriscado e duvidoso como o sexo na meia idade.
Bom, pelo menos essa é a minha teoria.

Depois que comecei a prestar atenção percebi que meus prazeres hoje estão também migrando para coisas que não tem absolutamente nada a ver com o sexo. Comer milho verde na espiga, buscar com a língua o restinho de lichia que ficou no fundo da casca (tem gente que tem isso com ostras), nadar borboleta, limpar camarão (tirar aquela tripinha preta...adoro!) e colocar a garrafinha de água gelada entre as pernas para não manchar a mesa onde fica o computador. Sim, eu tenho uma coleção de porta copos, mas adoro a sensação do gelo entre os joelhos.

Quer dizer, ao invés de se chatear porque não foi beneficiada com os míticos orgasmos múltiplos, pense que eles estão apenas fantasiados, escondidos numa crise de rinite ou esperando ansiosamente por você numa panela de milho cozido. 



6 comentários:

  1. Sensacional! Grande sacada, Clau. Os orgasmos múltiplos estão espalhados por aí, mas continuam múltiplos...

    ResponderExcluir
  2. Viva o bom português, que gostoso é ler um texto assim charmoso!!!
    Agora vamos combinar né, o mundo está a um passo de ser mais feliz enquanto as pessoas encontrarem substâncias canabinóides nos brócolis e prazeres sexuais no milho! Para encontrar a receita final de paz e amor, só falta tirar um rock and roll de um pepino...

    ResponderExcluir
  3. Cleci, eu nem tava pensando em simbolos fálicos... isso nem vem ao caso. O milho não tem crédito pelo seu formato, mas pela manteiga com sal que sobra no sabugo morno depois que o milho se acaba. É muito bom! Já o pepino não tem nada de bom a oferecer: indigesto e frio.

    ResponderExcluir
  4. Coitado do milho, realmente não tem sex appeal nenhum para ganhar título de fálico... Ontem pensei assim: que bom que é conseguir enxergar as coisas lindas que nos dão prazer, porque para enumerar aquelas que nos irritam é tão fácil! Obrigada, Claudinha, por sua contribuição diária de alegrias. (Eu sei, ela vai deixar de ser diária eventualmente, mas não deixa passar muito tempo hein????)

    ResponderExcluir
  5. Queridinha, essas imagens sexuais vindas de uma mulher tão bela quanto você dão muuiiito o que pensar. Beijos,
    EBER

    ResponderExcluir
  6. Ate' eu gosto de chupar a manteiga com sal que sobra naquele caldinho morno de um sabugo depois que o milho se acaba...

    ResponderExcluir

Se você não tiver uma conta Google e quiser comentar: escreva na caixa, assine (para eu saber quem escreveu!) e escolha a opção "Anônimo". Pronto! Seu comentário aparecerá imediatamente no blog.