segunda-feira, 28 de maio de 2012

Cada equivocada!

Não sei se vocês sabem, mas este blog tem uma musa inspiradora. Muitas histórias aqui partem das pérolas que uma pessoa próxima me traz. E hoje a pérola foi essa:

-Não vejo a hora de me casar para poder fazer sexo todos os dias.

-Volta aqui e me ajuda com os 200 botões das costas!!!
-Blahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh.
Tolinha.
Ela ainda não entendeu o protocolo.
Queridinha, é assim: você namora e faz sexo todos os dias. No carro, no sofá da casa dos pais dele, na piscina, na varanda e no motel. Sempre bacana e sempre feliz. Mas no dia em que você casa, essa farra acaba, meu anjo.
Foi-se o tempo em que a lua de mel merecia lingerie nova e a especial "camisola da noite". Hoje você passa a noite de núpcias retirando as centenas de grampos do cabelo enquanto o marido vomita o whisky.
E, olha, não tem jeito, não adianta se iludir: no dia seguinte você ainda encontrará mais grampos escondidos, viu?
E no decorrer do casamento você fará sexo na... cama e a realidade será:


"Os homens brasileiros fazem sexo três vezes por semana e as mulheres, duas. Sendo assim, com quem é que eles curtem essa transa a mais?! Segundo a doutora Carmita, é por causa dos gays que a média masculina é maior que a feminina. “Entre casais de homens homossexuais, a frequência de relações é maior”, explica ela. A pesquisa também mediu quantas vezes as pessoas fazem sexo a cada encontro. Nesse caso, tanto eles quanto elas responderam a mesma coisa: duas.

Hahahah, por isso, se quiser quantidade, amiga, o jeito é nascer gay. Talvez isso aconteça porque os gays não têm filhos gritando, TPM e nem a famigerada menstruação. Ou talvez porque a coisa deve mesmo ser melhor.

Pffff.... as pessoas se iludem com algumas crenças.

Outra:
-Não vejo a hora de me aposentar, mudar para a praia e abrir uma pousada.
-Não obrigado. Só vou tomar um café preto.
Descanso com pousada??? Numa pousada você trabalha dobrado! Esquece.
Uma "dona de pousada na praia" outro dia estava me descrevendo a sua rotina insana. Ela assiste novela arrumada e de sapato porque a qualquer momento poderá chegar um hóspede. E o hóspede sempre aparece no dia que ela dispensou a funcionária no dia seguinte.
Assiste TV de...sapato!!!! Vocês podem imaginar o que é isso? Tsc, tsc, coitada.
E, segundo ela, a pior coisa para uma pousada não é ficar vazia. É ter UM hóspede. Ai que ódio que dá quando, às 9 horas da noite, aparece um hóspede, porque este único hóspede te obrigará, no dia seguinte, a acordar cedo para fazer 3 tipos de suco, dois bolos, comprar frios variados e a picar mil frutas.
Daí o cara a acorda e diz que não tem o hábito de comer de manhã. Bah!


Outra ilusão:
-Quero mudar para uma chácara para poder ter uma vida mais tranquila.
A palavra "fazenda" existe porque lá, os moradores estão sempre "fazendo" alguma coisa. Sempre se tem trabalho (urgente e importante) quando se vive na zona rural!
Vida tranquila as pessoas têm num apartamento onde você não deixa de dormir porque ouviu um barulho estranho, não se gasta dinheiro com telhas quebradas, o gás NUNCA acaba (amo gás encanado), não há preocupações com os dias do caminhão de lixo, não tem jardim para cuidar e a piscina está sempre limpa. Show de bola.
Quer ter uma vida tranquila? More num apê.

Outra constante:
-Vamos mudar para uma casa para as crianças crescerem com quintal e amigos.
Quer um filho feliz, jogando bola e cheio de amigos? More num prédio de tamanho e preço tipicamente familiares. Classe média! Nada muito chique, não. De preferência com mais de um bloco. Morro de inveja das crianças de prédio que tem dezenas de amigos por lá e que, depois da escola, sempre combinam de se encontrar nas quadras ou no salão de jogos. E lá eles brincam no elevador, dão o primeiro beijo escondido nas escadas de incêndio, sentam na portaria para ver o povo chegar, rabiscam a mesa de sinuca e ouvem a bronca do síndico.... infância perfeita!
Crinças que vivem em casa são sempre solitárias e muitas vezes precisam andar muitos quarteirões para encontrar um amiguinho. Isso se a mãe o deixar sair na rua!!! Que graça tem ter um quintal sem amigos? E que graça tem ter um gramado se ele está sempre cheio de cocô de cachorro? Sim, porque toda casa com criança também tem cachorro, já que existe a ilusão de que o cachorro fará companhia para um menino solitário.
Bobagem.
ELEVADOR, O MELHOR AMIGO DAS CRIANÇAS


Agora pergunto: qual outro equívoco é espalhado por aí como uma verdade?
Hahaha, já sei o que vocês vão responder:
  • Gays tem uma vida sexual intensa;
  • Crianças de prédio são sociáveis e felizes;
  • Moradores de prédios são mais tranquilos;
  • Ter uma pousada é uma grande roubada;
... ok, ok, entendi.
Já parei.

9 comentários:

  1. Como diz a moral de Woody Alen em " Meia Noite em Paris " , o melhor tempo e sempre o outro.Nao percam tempo procurando : a melhor vida e a que voce vive . E só saber enxergar o lado bom e nao ficar comparando com o que mostra a mídia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, sim. Sei disso. Mas idealizar a vida alheia é tão legal!!

      Excluir
  2. a midia e as amigas do Facebook. As pessoas nunca sao tao felizes como querem deixar transparecer no Facebook.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. What???
      Isso significa que as pessoas que todos os dias postam "BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOM DIA :O)!!!!!!!!!!!!!!!!" no Face, na realidade, não acordam assim tão felizes????
      U-A-U...mais um pano se cai.

      Excluir
    2. Cada dia a gente aprende uma coisa nova...

      Excluir
  3. Clau, a grama e sempre mais verde no quintal do vizinho...me corrija se eu estiver errada:
    Você é casada, mora na zona rural, numa CASA, tem filhos e um cachorro. Seráque você vai ter uma pousada quando se aposentar?? Será??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ideal de vida: ser gay, morar num apartamento sem cachorro e se hospedar nas pousadas "de charme" mundo afora. Isso sim é uma grama ultra verdinha!
      NUNCA, jamais, terei uma pousada!
      Bom, se bem que minha pousada seria lindinha e sei fazer uma pão que é uma coisa.... ah, e nem assisto novela mesmo! hahah

      Excluir
  4. Aii por Deus! Te amo!! Vc acabou de tirar um peso das minhas costas! É PURA VERDADE! Amooorrrr, não precisamos mais de casa com cachorroooooo! Pois e cresci em casão com cachorros, piscina e NADA de amigos no quintal! Só na rua! Vc é um Gênio!
    Tania

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, isso porque na época podíamos sair na rua até de madrugada. Hoje é uma loucura! Entra num "Plano 100", amiga, e crie as meninas no salão de jogos.

      Excluir

Se você não tiver uma conta Google e quiser comentar: escreva na caixa, assine (para eu saber quem escreveu!) e escolha a opção "Anônimo". Pronto! Seu comentário aparecerá imediatamente no blog.